Investimento em energia solar continuarão em crescente no país

Neste ano, as expectativas são de que os investimentos na área expandem ainda mais. 

Isso é muito benéfico porque pode garantir uma segurança energética maior ao país nos próximos anos. 

Projeções da Absolar apontam que, somente em 2022, a fonte solar fotovoltaica deverá gerar mais de 357 mil novos empregos no Brasil, uma vez que os novos investimentos privados no setor poderão ultrapassar a cifra de R$ 50,8 bilhões, somando os segmentos de geração distribuída e geração centralizada. 

Já no âmbito mundial, a tendência é de que a fotovoltaica se torne a principal fonte de energia em até 20 anos, segundo estudos e análises da IRENA (Agência Internacional de Energia Renovável). 

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Decreto Legislativo 271/21, que ratifica o Acordo-Quadro sobre o Estabelecimento da Aliança Solar Internacional (ASI). 

O organismo internacional tem o objetivo de auxiliar os países membros no enfrentamento coletivo de desafios comuns para a difusão da energia solar em linha com suas necessidades. Entre os mecanismos estão o acesso a financiamento, tecnologias, inovação, pesquisa e desenvolvimento, bem como capacitação. 

De acordo com o levantamento, cerca de 7 em cada 10 entrevistados desejam ter em casa painel solar e descarga econômica em suas residências. 

Esse dado reforça a preocupação com a sustentabilidade e com a redução de custos com energia. 

Acompanhe a notícia pelo link: bit.ly/itensmaisdesejados

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *